Estados com redução na População

No mês de dezembro de 2022 o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou estudo preliminar do censo que vem sendo realizado nos anos de 2022 e 2023. 

Em 2022 estima que a população do Brasil é de 207 milhões, menor do que a registrada em 2010.

A prévia do censo revela um fato muito importante que causou espanto em várias pessoas, pois a população do Brasil já vem reduzindo em uma velocidade muito alta. 

Apesar da qualidade/expectativa de vida estar subindo em razão do desenvolvimento de novas tecnologias que ajudam os mais idosos a viverem mais e melhor. 

Podemos elencar alguns dos motivos que vem resultando na diminuição da população, que são:

  • Baixa taxa de natalidade das brasileiras, em 2020 nascia 1,71 filhos por mulher, índice abaixo do recomendado para a manutenção da população. O recomendado é acima de 2,1 filhos. 
  • Falta de perspectiva de futuro, vários jovens com o surgimento da tecnologia conseguem observar vários “futuros” em locais distantes e a ficha está caindo que o Brasil já não é e nem vai ser o país do futuro.
  • Custo de vida elevado para a criação de um filho com dignidade, ninguém quer trazer ao mundo uma criança para enfrentar condições ruins de desenvolvimento. 
  • Grande utilização de preservativos, coisa que no passado não havia. 
  • Redução dos casamentos e quando ocorrem, em grande parte das vezes o casal já tem mais de 30 anos e por condições de saúde o segundo/terceiro filho não virá

Mas o que importa a redução da população do Brasil ? 

Inicialmente os recursos distribuídos pela União são vinculados ao número de pessoas que moram ali, por exemplo, o censo de 2010 mostra que no bairro x terá 500 crianças sem acesso a escolas, porém a realidade é que só tem 5, as outras foram para outras cidades. O governo com os dados desatualizados pensa em fazer uma escola de 5 milhões de reais para as 500 crianças, porém só vai beneficiar 5.

E agora que o faz com o dinheiro gasto de maneira desnecessária ? E quantas outras obras não foram realizadas com os dados desatualizados? 

Quem pagará as contribuições para manter o INSS se cada vez temos menos jovens/adultos trabalhando ? Aumentará a contribuição desses que já estão pagando?  Logo não haverá mais trabalho para escapar do aumento? 

Por haver menos jovens, não terá tanta demanda de bens, menos atividade industrial, menos arrecadação, por consequência menos impostos e investimentos públicos. 

Se a carga tributária aumenta sobre os mais jovens para custear os mais idosos, os primeiros mudam de país, trabalham de forma informal e o problema cada vez fica maior.

Ao que parece não há soluções fáceis, uma das medidas interessantes seria abaixar impostos, atrair empresas de outros países, por consequência imigrantes para que aqui vivam e trabalhem. 

Comparação da população medida em 2010 e a população do estudo preliminar do IBGE:

ESTADOSPOPULAÇÃO EM 2010POPULAÇÃO EM 2022
Rondônia1.562.4091.616.379
Acre733.559829.780
Amazonas3.483.9853.952.262
Roraima450.479634.805
Pará7.581.0518.442.962
Amapá669.526774.268
Tocantins1.383.4451.584.306
Maranhão6.574.7896.800.605
Piauí3.118.3603.270.174
Ceará8.452.3818.936.431
Rio Grande do Norte3.168.0273.303.953
Paraíba3.766.5284.030.961
Pernambuco8.796.4489.051.113
Alagoas3.120.4943.125.254
Sergipe2.068.0172.211.868
Bahia14.016.90614.659.023
Minas Gerais19.597.33020.732.660
Espírito Santo3.514.9523.975.100
Rio de Janeiro15.989.92916.615.526
São Paulo41.262.19946.024.937
Paraná10.444.52611.835.379
Santa Catarina6.248.4367.762.154
Rio Grande do Sul10.693.92911.088.065
Mato Grosso do Sul2.449.0242.833.742
Mato Grosso3.035.1223.784.239
Goiás6.003.7886.950.976
Distrito Federal2.570.1602.923.369
Evolução da População nos Estados brasileiros

Ao observar o ocorrido com o Estado do Piauí podemos ver um pequeno crescimento dentro do tempo de 12 anos, nem duzentas mil pessoas, em comparações com o estado de Goiás que aumentou em quase 950 mil pessoas, ou mesmo o Tocantins que aumentou aproximadamente 200 mil pessoas.

Comparação

Abaixo estarei colocando as projeções feitas pelo IBGE. Veja:

Frustração

image
Estados com redução na População 5

Estimativa IBGE Estado do Maranhão

A estimativa para a população do Estado do Maranhão era ter 7,2 milhões, porem em dezembro de 2022 o IBGE divulgou que estaria em apenas 6.800.605 .

image 1
Estados com redução na População 6

Estimativa IBGE Estado do Ceará

A estimativa para a população do Estado do Ceará era ter 9,3 milhões, porem em dezembro de 2022 o IBGE divulgou que estaria em apenas 8.936.431.

image 2
Estimativa IBGE Estado do Rio Grande do Norte

A estimativa para a população do Estado do Rio Grande do Norte era ter 3.6 milhões, porem em dezembro de 2022 o IBGE divulgou que estaria em apenas 3.303.953

image 3
Estimativa IBGE Estado de Pernambuco

A estimativa para a população do Estado de Pernambuco era ter 9.7 milhões, porem em dezembro de 2022 o IBGE divulgou que estaria em apenas 9.051.113

Como o Brasil é muito grande, pessoas que residem em outros cantos do pais nem visualizam que tem áreas do pais que já vem enfrentando redução da populações e verão os recursos repassados diminuírem, fatos assim já estão começando a surgir na impressa e no passar dos anos ganharão cada vez mais destaques.

Você pode acessar a tabela dos dados divulgados pelo IBGE e também acessar o site de projeções.

Deixe um comentário